E insulina sem agulha, é possível?

Acompanhando o último artigo, não poderia deixar de comentar sobre o "aplicação" de insulina sem agulha. E não se trata de insulina inalável, nem de bomba de insulina, mas sim de injetores de insulina sem agulha. O interessante é que esse tipo de injetor bastante incomum e desconhecido em muitos países existe já há muito tempo. Então, vale a pena discutir como funcionam e por quê não se popularizaram.

O funcionamento é bastante simples: 1) os aplicadores são carregados com insulina; 2) a dose a ser administrada é selecionada; 3) encosta-se na pele a terminação do aplicador; 4) e, ao se apertar o botão, a dose toda é liberada rapidamente e sobpressão, a fim de penetrar a pele sem a necessidade de agulha.

Alguns dos motivos que preveniram esses equipamentos de se popularizar talvez incluam o custo e tamanho, maiores que das seringas e canetas de insulina, e, especialmente, o fato de não serem indolores. Assim, se a a opção por um injetor sem agulha for motivada pela expectativa de não se sentir nada, talvez não seja o caso. Segundo artigo disponível no Medscape, o uso desses equipamentos também não garante mais precisão que o uso de seringa, em termos de toda a insulina administrada chegar ao local certo (tecido subcutâneo). E, assim como as agulhas e seringas, também podem provocar sangramento ou hematomas.

De acordo com um dos mais famosos comentaristas da área de diabetes, Mendosa, o mercado dos "jet injectors" ainda pode ter sucesso. Basta que os equipamentos sejam melhorados, tornen-se mais fáceis de usar, e os custos sejam reduzidos.

Se você já testou esse tipo de equipamento, deixe seu depoimento.

Comentários

  1. Eu usei esse tipo de equipamento para "aplicação" de insulina no início dos anos 80 e não tenho boas lembranças a respeito. Pelo que me lembro machucava o tecido. Diria que era muito violenta a forma de aplicação por alta pressão.

    Lucy Aihara

    ResponderExcluir
  2. Acabei de comprar uma caneta a jato e adorei! Não esta mais como era há anos atrás, não machuca em nada a pele, indolor, parece que nem foi aplicada a insulina.
    Não aguentava mais com o uso convencional da agulha normal (caneta ou a seringa).
    Reveja com carinho essa caneta, pode ter o mesmo design, mas esta muito diferente do que era.

    ResponderExcluir
  3. minha mãe é insulinodependente e está ficando estressada com o uso da seringa. alguém poderia gentilmente informar onde conseguir esse tipo de aplicador? eden vinagre. eden.vinagre@ig.com.br

    ResponderExcluir
  4. oi gostaria de saber como consigo este tipo de apricador?? como faço para comprar um??
    delsina.r.cardoso@gmail.com

    ResponderExcluir
  5. Prezados Srs.

    O injetor de insulina por pressão não tem sido comercializado no Brasil. Portato, se houver necessidade, teria que ser trazido de fora.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Suco de Laranja? Cuidado!!!

Hemoglobina Glicada (A1C ou HbA1c) para controle e diagnóstico do diabetes

Pâncreas Artificial, uma realidade! Como faço para ter um?