Postagens

Mostrando postagens de Março, 2015

MELATONINA: Possível Proteção contra Complicações

Imagem
Há muito, busca-se um antioxidante eficaz no combate ao excesso de radicais livres, que resultam da hiperglicemia. A esperança é de se encontrar uma substância, entre micronutrientes (vitaminas e minerais), flavonoides e outras, que proteja as pessoas com diabetes do desenvolvimento e da progressão de complicações. Vitaminas como a C e a E, amplamente reconhecidas como antioxidantes, não aparecem como recomendadas para suplementação em pessoas com diabetes pela American Diabetes Association.1 Muito pelo contrário, essa entidade alerta para o risco da suplementação de vitamina E, betacaroteno e outros antioxidantes, a não ser em casos de deficiência.

Mais recentemente, outros antioxidantes vêm sendo testados, porém com eficácia ainda não unânime, como é o caso do ácido alfa-lipóico.2 Mas, o interesse aqui é discutir outro antioxidante endógeno, a melatonina. Este é estudado por cronobiólogos há muito, por ser o hormônio da noite, secretado na fase escura do dia e, com isso, responsável …

Por que ELIMINAR o “DIABÉTICO” do seu vocabulário?

Imagem
Muitos acreditam que essa polêmica em torno do termo “diabético” não passa de uma questão desimportante, de ordem pessoal. A discussão não é nova.1 Além de debates a respeito, pesquisas já foram feitas e entidades internacionais têm divulgado seu posicionamento. Vejamos, então, qual a importância do assunto em pauta.
Recentemente, o repórter da área de saúde e bem-estar do U.S.News, Amir Khan, publicou artigo a esse respeito.2 No subtítulo ele já dá o alerta, “tire a palavra com D do seu vocabulário quando se referir a alguém com diabetes”. No artigo, discute-se também o fato de existir um estigma de culpa relacionado ao diabetes, que é reforçado ao se usar o termo “diabético”. A educadora em diabetes Evan Sisson afirma: “referir-se a alguém como ‘diabético’ implica que ele não é nada mais do que a disfunção, é como se o diabetes o definisse como pessoa”. 2 Ela alerta, também, que, ao usar o termo com uma criança, se está passando a ideia de que ela é diferente dos demais, o que fere …

Para tornar o seu dia a dia com Diabetes mais fácil!

Imagem
Nos últimos tempos, o pessoal no exterior tomou gosto por uma coisa que nós, brasileiros, conhecemos há tempos: a gambiarra. Ou, como eles preferem dizer, “lifehacks”. Nada mais do que uma solução incomum para um problema comum, não?
Para quem tem diabetes nada mais justo do que contar com algumas gambiarras (dicas ou soluções temporárias/improvisadas) que o Joslin Diabetes Center, dos Estados Unidos, reuniu. Quem sabe você já não usa algumas delas?
1.Eu me confundo com os frascos de insulina!
Use fitas adesivas coloridas para identificar os frascos ou canetasde insulina. Solução rápida e prática, e particularmente útil para aqueles que – como eu – são daltônicos e confundem a cor, particular dos frascos.

2.A noite foi longa. Como lembrar se eu tomei a insulina?
Fácil! Você podesimplesmente inverter a posição dela no estojo/caixaassim que terminar de aplicar a insulina, ou colocá-la dentro de um copo ou porta-lápis.
3.No Aeroporto?
Ao passar pelo raio X, eventualmente, você precisará mostrar…

O que esperar para 2015?

Imagem
Além de felicidade, paz, amor e saúde, é possível esperar para 2015 muitas novidades em termos de medicamentos tecnologias médicas que facilitem o manejo do diabetes e o controle da glicemia. Durante de 2014, muitos anúncios, resultados de pesquisas, lançamentos e pré-lançamentos mundiais apontaram para essas novidades. Além disso, eventos científicos nacionais e internacionais não faltarão para que elas sejam conhecidas (muitos deles já divulgados site da SBD: www.diabetes.org.br/eventos. Dentre as novidades lançadas no Brasil, e amplamente divulgadas, vale a pena lembrar da insulinaDegludec, primeira insulina basal a apresentar período total de ação bastante maior que 24 horas. Outro medicamento há muito aguardado para uso em diabetes tipo 2, a Dapagliflozina, também foi lançado, permitindo a eliminação de glicosena urina mais precocemente (antes que ocorra hiperglicemia). Além da bomba de insulina Veo®, que suspende a liberação de insulina quando é atingido determinado valor de …