Os resultados da GLICEMIA enganam!

Mas por quê?

Abaixo estão três medições de glicemia feitas com poucos minutos de diferença entre elas e exatamente nessa ordem. O que será que aconteceu? Uma incrível variação glicêmica? Ou será outro o motivos? Vejamos...

A história começa com:

  • Nossa personagem real, que tem diabetes tipo 1 há 27 anos, estava fazendo uma caminhada e percebeu que a glicemia estava caindo;
  • Decidiu medir:

  • Com a glicemia de 80 mg/dl e sabendo que ainda teria que andar mais... pelo menos para voltar para casa, decidiu corrigir (perfeito! consumir carboidratos nessa hora para evitar que a glicemia caísse mais!);
  • Tomou um pouco de suco e chupou uma ou duas balas;
  • Após 12 minutos mediu novamente a glicemia:

  • COMO????
  • O que teria acontecido para passar de 80 mg/dl para 335 mg/dl???
  • Hora de pensar... será que o primeiro teste estava errado?
  • Mas, antes de continuar a reflexão, melhor testar novamente para confirmar...
  • Dessa vez, porém, lavando bem as mãos!
  • E:

  • Pronto! Mistério desvendado!
  • Lavar as mãos faz toda a diferença!
  • Os 335 mg/dl eram resultado do açúcar da bala que ficou na mão...
  • Imagine o desastre se ela confiasse no resultado de 335 mg/dl, sem lavar as mãos e rechecar, e tomasse insulina para corrigir!!!

Portanto, lave as mãos antes do teste e se achar o resultado estranho (inesperado), reflita se fez tudo certo e refaça o teste para confirmar!


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Suco de Laranja? Cuidado!!!

Hemoglobina Glicada (A1C ou HbA1c) para controle e diagnóstico do diabetes

Pâncreas Artificial, uma realidade! Como faço para ter um?