Carla, a jovem que foi conquistada pelas corridas de rua.

Você já reparou que cada dia mais corridas de rua são organizadas, e o número de participantes também não para de crescer? Já se perguntou qual seria o motivo disso?


Pelo que se pode ver no depoimento de Carla Cristina Gomes Prisco, que hoje está com 27 anos, mas se apaixonou pelas corridas de rua há mais de 10 anos, o motivo não é apenas 1. Carla é administradora de empresas, tem diabetes tipo 1 desde os 15 anos de idade e além das corridas se dedica ao casamento, ao trabalho diario na FIESP, e às viagens com o marido e a equipe para correr.


Em seu depoimento fica claro que apesar da saúde e o controle do diabetes serem uma consequencia que a estimula ainda mais a continuar, outros fatores também são decisivos para a manutenção desse habito e não deixar as pistas. Entre eles estão o prazer inerente à prática de atividades físicas, o desafio que cada prova de corrida impõem, exigindo dedicação e treinamento, o trabalho em equipe, que progride a cada treino e competição, e o contato com centenas de outras pessoas também motivadas pelo desafio de atingir a linha de chegada.



Como Carla deixa claro, apesar desse tipo de atividade contribuir para um ótimo controle glicêmico, cuidados tanto antes, quanto durante a prova são necessários. Assim, se você planeja iniciar essa ou outra atividade física não deixe de falar com seu médico para que juntos façam ajustes na dose de insulinaLembre-se também de fazer o teste (ponta-de-dedo) antes, durante e depois da atividade física (incluindo de madrugada, caso seja a primeira vez que praticou aquela atividade, ou fez uma prática mais intensa que o normal), e sempre tenha consigo carboidrato de absorção rápida (sache de glicose, balas, suco de laranja, mel, açúcar, etc), suficiente para corrigir pelo menos 3 hipoglicemias (portanto 45g de carboidrato, já que cada hipoglicemia deve ser corrijida com, no mínimo, 15 gramas de carboidrato).

À Carla desejamos sucesso nas provas de corrida em 2011! E esperamos ver outros depoimentos de jovens e adultos com diabetes que têm se beneficiado com a prática de atividade física.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Suco de Laranja? Cuidado!!!

Hemoglobina Glicada (A1C ou HbA1c) para controle e diagnóstico do diabetes

Pâncreas Artificial, uma realidade! Como faço para ter um?