Discriminação da Pessoa com Diabetes, como enfrentar essa realidade?


Por muitas vezes nos perguntamos se há algum problema em ter diabetes, e quais as consequências disso no ambiente de trabalho, escola, universidade e nos círculos sociais: “como as pessoas vão reagir ao saber que tenho diabetes?” Infelizmente o grande parte das pessoas não tem informação a respeito e acredita que o diabetes é um fator que pode comprometer seu rendimento.

www.healthline.com/diabetesmine/diabetes-discrimination-work#1

Ter diabetes não influencia nas capacidades e competências de ninguém. A pessoa com diabetes não está impedida de realizar quaisquer tarefas, sendo tão capaz quanto uma pessoa sem essa condição de saúde. Para que não haja problemas, a pessoa com diabetes deve ter educação em diabetes e um bom controle.

Nos Estados Unidos é proibida a discriminação contra pessoas com diabetes desde 1990, em respeito ao American With Disability Act. Ainda assim, os empregadores americanos usam, muitas vezes, o diabetes como critério de qualificação (ou desqualificação). A RNPD (Fucs, 2015) aponta a existência no Brasil de leis no âmbito federal e estadual que proíbem discriminação no trabalho e que garantem à pessoa com diabetes acesso a concursos públicos. O site Médicos de Portugal destaca que neste país a discriminação vem desde o acesso de crianças com diabetes às creches e escolas pré-primárias, passando pela exclusão de atividades desportivas e viagens escolares, até na obtenção de empréstimos bancários e mesmo no acesso ao emprego, em certas profissões.

http://juntos.com.vc/pt/campdiabetesbrasil

Como forma de diminuir a discriminação, podemos tomar algumas atitudes, como orientar seus companheiros de trabalho sobre o que é diabetes e como agir em algumas situações de emergência. Também contamos com o apoio de instituições como a ADJ (ADJ DIABETES BRASIL) e a SBD (Sociedade Brasileira de Diabetes) entre muitas outras que trabalham na divulgação de informações.

Portanto a pessoa com diabetes tem uma condição de saúde que não se enquadra na definição de deficiência. Não existe uma incapacidade para realizar tarefas, a menos que a pessoa tenha um mau controle do diabetes ou alguma complicação. O que existe é falta de informação para o público em geral. A discriminação ainda é uma realidade e precisa ser combatida, sendo a principal arma a educação em diabetes.

Bruna Talita Alves Patricio
Psicóloga
Jovem Líder em Diabetes ADJ


Bibliografia

- Garcia, Andreia. Diabéticos são discriminados em Portugal. Disponível em

- Cury, Daidone & Tavares Advocacia. Discriminação e diabetes. São Paulo. 2004.

- Site Tiabeth. Evitando a discriminação e o estigma do diabetes no trabalho. Disponível em:

- Fucs, Ione. Leis proíbem discriminação no trabalho. Disponível em:

- Site 365saude. O Disability americana para o diabetes. Disponível em:

Comentários

  1. Muito interessante o texto, mas já ouvi falar de profissões em que o próprio edital afirma que se for portador de diabetes não pode exercer a profissão, como motoristas ou pilotos. Isso não seria um tipo de discriminação já que com um bom controle dá sim para dirigir? Parabéns pelo texto!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Suco de Laranja? Cuidado!!!

Hemoglobina Glicada (A1C ou HbA1c) para controle e diagnóstico do diabetes

Pâncreas Artificial, uma realidade! Como faço para ter um?