Distúrbios do Sono favorecem o desenvolvimento de Complicações

www.walterminicucci.com.br/apneia-obstrutiva-do-sono/
Em estudo com 231 pessoas com diabetes tipo 2, 149 apresentavam apnéia obstrutiva. A apnéia obstrutiva é o distúrbio respiratório do sono mais comum, aquele em que a pessoa durante a noite tem paradas respiratórias durante alguns segundos. Neste estudo se verificou que 48% dos que tinham a apnéia apresentavam retinopatia severa, enquanto menos da metade dos que não tinham (20%) apresentavam esta complicação.

Num segundo estudo, com numero semelhante de participantes (230 total com DM2, sendo 148 com apnéia obstrutiva), detectou-se neuropatia (complicação nos nervos) em 60% dos que apresentavam apnéia em comparação a 22% dos que não apresentavam este distúrbio do sono.

Muito já se sabe sobre as consequências dos distúrbios do sono para quem tem e para quem não tem diabetes. E não precisam ser distúrbios respiratórios como a apnéia, mesmo a má qualidade e a privação do sono (portanto dormir mal, ou menos que o necessário), levam a consequências que pioram a qualidade de vida, dificultam o controle da glicemia e podem aumentar as chances de desenvolver complicações tanto em quem tem DM2, quanto em quem tem diabetes do tipo 1. Entre as consequências diretas mais estudadas da má qualidade, privação e distúrbios do sono estão: ganho de peso, aumento da resistência à ação da insulina, e aumento da pressão arterial.

Agora você já sabe! Dormir bem vai contribuir para o bom controle do seu diabetes!
Se suspeitar de algum distúrbio do sono, fale com seu médico!  

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Suco de Laranja? Cuidado!!!

Pâncreas Artificial, uma realidade! Como faço para ter um?

Hemoglobina Glicada (A1C ou HbA1c) para controle e diagnóstico do diabetes