Glicemia Sem Sangue ou no Celular, Cateter e Sensor Combinados, Insulina de Duração Prolongada e Outras Novidades

Muitos lançamentos e pesquisas em diabetes estão deixando quem convive com a disfunção animado. Vejamos alguns destaques abaixo.

http://cdn.medgadget.com/wp-content/
uploads/2014/06/MiniMed-Duo.jpg
Sensor de Glicose e Cateter de Infusão de Insulina Combinados

  • Quem usa bomba de insulina e sensor de glicose há muito tem reclamado por precisar inserir um em cada lugar e ter que, muitas vezes, trocar cada um deles em momentos diferentes.
  • Nesse novo produto ambos (sensor e cânula) serão inseridos com um único "aplicador", ao mesmo tempo e em um só local. Com isso, serão também trocados ao mesmo tempo. Participantes de pesquisa relataram aumentando do conforto com o uso desse produto.  
  • Chama-se MiniMed Duo.
  • Recém aprovado e lançado na Europa pela Medtronic.
  • Resta saber se o preço do novo produto valerá a pena, visto que, geralmente, o cateter é trocado em menos tempo que o sensor. Este ultimo mais caro, terá que ser trocado em menos tempo com todo o set de infusão (aproximadamente 3 dias).
www.midiabetes.cl/actualidad/2014/06/03062014_minimed_duo.html

Insulina Basal com Tempo de Ação de Mais de 1 Dia

  • Lançada pela Novo Nordisk, e já pronta para entrar no mercado brasileiro, a Insulina Tresiba (Degludec) é a primeira com duração efetiva de ação de mais de 1 dia.
  • Usuários relatam que quando se esquecem de se aplicar a insulina na hora certa, aplicam quando se lembram, mesmo que horas depois, e não observam diferença no controle.

http://bodyopus.canalblog.com/archives/2009/09/10/28931382.html

www.diabetes-blog.at/wordpress/
wp-content/uploads/
start_block_3_ipod.png
Glicosímetros que se Comunicam com o Smartphone

  • O glicosímetro iBGStar, da Sanofi, acaba de chegar ao Brasil e é o primeiro no mundo que se conectar diretamente ao celular.
  • As glicemias ficam armazenadas no aplicativo, que também permite inserir uma serie de informações sobre dose de insulina usada, contagem de carboidratos/alimentação, atividade física, doença/estresse, entre muitas outras.
  • Diário e gráficos são automaticamente criados no próprio celular, e as informações podem ser imediatamente compartilhadas com o medico e a equipe de saúde por e-mail.
  • Funciona, também, como um glicosímetro normal mesmo desconectado do iPhone (com a vantagem de ser muito portátil - tamanho de um pendrive).
  • Para quem tem outros celulares, não há adaptador e para quem tem iPhone 5 é necessário o cabo adaptador, visto que o encaixe do aparelho é para iPhone 4.  
iBGStar
Wireless Smart
http://goo.gl/3WSSg9









  • Seus concorrentes, ambos da empresa iHealth Labs Inc., disponíveis apenas nos EUA, são o Wireless Smart Gluco-Monitoring System e o iHealth Align.
  • O primeiro envia os resultados de ponta-de-dedo por Bluetooth ao Smartphone, enquanto o segundo se encaixa à entrada do fone de ouvido da maioria dos Smartphones.
  • Além da portabilidade, os pontos fortes desses glicosímetros são o custo, tanto dos aparelhos quanto das tiras, muitos mais baixo que da maioria dos demais glicosímetros e a compatibilidade com diferentes equipamentos e sistemas (iOS e Android).

http://goo.gl/fomGW2

Futuro da Monitorização é Sem Sangue

O Flash Glucose Monitoring da Abbott tem sido avaliado extensivamente por cientistas de prestigio e o resultado tem confirmado que:
  • As medições de glicose permanecem precisas durante os 14 dias de uso continuo.
  • Não é necessária calibração (diferente dos outros sensores que dependem de, no minimo, 2 calibrações com resultado de glicosímetros por dia).
  • Apresentações sobre o produto, ainda não lançado, têm sido feitas em diversos países.

http://abbottnextfrontier.com/resources/videos/idf-2013/5 
http://diatribe.us/issues/58/new-now-next/6
Bomba Veo e Pâncreas Artificial

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Suco de Laranja? Cuidado!!!

Hemoglobina Glicada (A1C ou HbA1c) para controle e diagnóstico do diabetes

Pâncreas Artificial, uma realidade! Como faço para ter um?