MeuPrato (MyPlate) está Errado!!!

Como sabemos, a alimentação indicada para quem tem diabetes é a mesma alimentação saudável indicada a todas as pessoas. Pensando nisso, oferecemos espaço para os alunos do 9th grade Global, do Pueri Domus de Aldeia da Serra publicarem aqui um alerta fundamental! Parece que nem tudo o que se apresenta como alimentação saudável... é realmente tão saudável. Vejamos abaixo e no artigo da próxima semana!


http://www.hsph.harvard.edu/nutritionsource/pyramid-full-story/

O projeto MeuPrato (MyPlate), do governo americano, que tem como intenção ajudar os americanos a fazerem escolhas mais saudáveis, possui algumas falhas. Ele encoraja as pessoas a consumirem maior variedade de alimentos, mas nem todos os conselhos estão de acordo com pesquisas recentes. Além disso, suspeita-se que houve influência da indústria alimentícia. 

Para ajudar as pessoas, a Escola de Saúde Pública de Harvard fez uma versão corrigida do MeuPrato chamada Prato Saudável (Healthy Eating Plate) que considera informações de pesquisas recentes e, portanto, devemos tentar aplicá-lo à nossas vidas. Algumas das informações principais são:

  • Metade do seu prato deve ser preenchido por vegetais (frutas, verduras e legumes), quanto maior a variedade, melhor. Lembre-se que batatas não contam como vegetais;
  • Ao invés de preencher ¼ do seu prato com alimentos produzidos a partir de grãos refinados, preencha com fontes de carboidratos que levam grãos integrais (pão, arroz, macarrão integrais, por exemplo), pois têm um melhor efeito sobre o açúcar no sangue e sobre a insulina, tornando o controle de peso mais fácil e, além disso, possuem mais vitaminas;
  • O antigo MeuPrato mostra que devemos preencher ¼ do nosso prato com proteína, mas não especifica o tipo. Algumas fontes de proteína como: feijões, soja, castanhas e carnes brancas (destaque para peixes e frutos do mar) são mais saudáveis do que carne vermelha ou processada (salsicha, hambúrguer, nuggets, etc.). Procure limitar o consumo de carne vermelha (2 vezes por semana) e evite o consumo de carne processada;
  • Gorduras não aparecem no antigo MeuPrato, mas gorduras saudáveis como óleo de canola, azeite de oliva, entre algumas outras são necessárias e devem ser parte da sua dieta diária. Não se esqueça de eliminar gorduras trans e reduzir gorduras saturadas;
  • Ao invés de incluir leite e derivados na maioria das suas refeições, como era sugerido, você deve beber água, café ou chá. A maioria das pessoas precisa de mais vitamina D e menos cálcio do que 3 copos de leite providenciam. Um consumo alto de leite e derivados aumenta o risco de alguns tipos de câncer, portanto procure tomar leite e derivados apenas 2 vezes ao dia;
  • Um estilo de vida saudável, incluindo atividades físicas e controle do peso, também é fundamental.

Além de tudo isso, diversas pesquisas foram feitas, acompanhando pessoas que seguiram o Prato Saudável (Healthy Eating Plate) e a Pirâmide da Alimentação Saudável de Harvard. Os resultados foram: risco muito reduzido de doenças cardiovasculares, e diabetes tipo 2.

*Sempre consulte seu nutricionista para orientações mais especificas.

Texto produzido por: Ana Caroline Freire, Arthur Cabrera e Laura Gonçalves (alunos do Global Program, Escola Pueri Domus, Aldeia da Serra, Brasil), sob a supervisão do professor de ciências, Dr. Mark Barone.

Fonte: Harvard School of Public Health. Food Pyramids and Plates: What Should You Really Eat? Disponível em: http://www.hsph.harvard.edu/nutritionsource/pyramid-full-story/ Último acesso em: Setembro 30, 2014.

MyPlate is Wrong

The US government’s project MyPlate, which intended to give advices on healthy eating choices, has some mistakes. It encourages people to put more variety on their plates, but not all advices given are in accordance with the most recent researches and may have been influenced by the food industry. 


http://www.hsph.harvard.edu/nutritionsource/pyramid-full-story/

In order to contribute towards people health, Harvard School of Public Health has made a corrected version of MyPlate, called the Healthy Eating Plate, which compiles information from the most updated researches. Therefore, we should all try to apply it to our lives. It includes:

  • Half of your plate should be filled with vegetables and fruits, the greater variety the better. Remember, potatoes don’t count as vegetables, since they quickly digested into sugar;
  • Instead of filling ¼ of your plate with just any grains, fill it with whole grains because they have a gentler effect on blood sugar and insulin and are, therefore, healthier. Refined grains make it more difficult to control weight;
  • The old MyPlate shows that we should fill ¼ of our plate with protein but it doesn’t mention which kind. Some protein sources are healthier than others. For example beans, nuts, soy, fish and chicken are healthier than red meat and processed meat. Limit red meat servings to 2 a week, and avoid processed meat;
  • Fats don’t appear at all in the old MyPlate, however healthy fats such as olive and canola, besides other healthy oils, are necessary and should be part of your daily diet. Don’t forget to eliminate trans fats and reduce satured fat;
  • Instead of drinking milk as MyPlate suggests, you should drink water, coffee or tea. Most people need more vitamin D and less calcium than what 3 glasses of milk would provide. Also, high dairy intakes can increase the risk of some cancers, so you should limit dairy products to one or two servings a day
  • A healthy lifestyle, with physical activity and weight control, is also emphasized.

In addition, several studies have been performed indicating that people who followed the Healthy Eating Plate and Pyramid, proposed by Harvard faculty, lowered their cardiovascular disease, heart failure, cancer and type 2 diabetes risks dramatically.

*Always consult your physician and dietitian in order to receive individualized guidance.

Text produced by Ana Caroline Freire, Arthur Cabrera and Laura Gonçalves (Global Program students, Pueri Domus School, Aldeia da Serra, Brazil), under supervision and advise of their Science Teacher, Dr. Mark Barone.

Main source: Harvard School of Public Health. Food Pyramids and Plates: What Should You Really Eat? Available on: http://www.hsph.harvard.edu/nutritionsource/pyramid-full-story/ Last access on: September 30, 2014. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Suco de Laranja? Cuidado!!!

Pâncreas Artificial, uma realidade! Como faço para ter um?

Hemoglobina Glicada (A1C ou HbA1c) para controle e diagnóstico do diabetes